sábado, 27 de julho de 2013

O MUNDO TÁ DE CABEÇA PRA BAIXO . Chineses comem bebês para aumentar desempenho sexual - ATENÇÃO IMAGENS FORTES Isso crimes hediondos subir a partir do fato de que a maioria do povo chinês prefere ter bebês do sexo masculino e as famílias pobres acabam vendendo seus bebês do sexo feminino

Um bebê humano está sendo transformado em sopa para poder sexual na China. Alguns chineses são conhecidos por estar comendo bebês, e as notícias que tem circulado através da Internet e via e-mail, está chocando o mundo. Um relatório de e-mail recebido pelo Seul Tempos confirmou a notícia com várias imagens vívidas e terrível de embriões e fetos humanos que estão sendo feitas em uma sopa para o consumo humano. O relatório prosseguiu. Uma cidade no sul da província de Cantão (Guangdong) agora está em foco. Pessoas chinesas lá estão desfrutando bebê sopa de ervas para aumentar a saúde geral e resistência eo poder do desempenho sexual em particular Chinês comer a sopa de bebê por Sexo Um bebê humano é despejado na água para ferver na China. Desta vez, um casal que já tem duas filhas decidiram abortar a criança depois de receber a confirmação de que era outra garota. O bebê já estava com cinco meses. Esses bebês que estão perto de nascer e morrer naturalmente custa 2.000 em moeda China. Aqueles abortados custar algumas centenas em moeda China. Os casais que não querem vender bebês mortos, placentas podem ser aceitos também para algumas centenas de pessoas. Chinês comer a sopa de bebê por Sexo Um repórter local foi citado como tendo dito que este é o problema decorrente chinês tomando muita atenção na saúde ou é o efeito de um tiro pela culatra quando a China introduziu uma criança em uma política de família. vejam o resto da materia no link http://aspmg10.blogspot.com.br/2013/07/o-mundo-ta-de-cabeca-pra-baixo.html preferi não publicar por conter imagens fortes me perdoem mas não tive estomago para continuar é de crueldades extremas fonte blog dos agentes peneticiarios

terça-feira, 23 de julho de 2013

Dominguinhos morre aos 72 anos em hospital de São Paulo Músico lutava havia seis anos contra um câncer de pulmão. Ele havia sido transferido para a capital paulista em 13 de janeiro.

O músico Dominguinhos morreu nesta terça-feira (23), aos 72 anos, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele lutava havia seis anos contra um câncer de pulmão. De acordo com o hospital, o músico morreu às 18h em decorrência de complicações infecciosas e cardíacas. Ao longo do tratamento, ele desenvolveu insuficiência ventricular, arritmia cardíaca e diabetes. Dominguinhos foi transferido para a capital paulista em 13 de janeiro. Antes, esteve internado por um mês em um hospital no Recife. A filha do músico, Liv Moraes, confirmou nesta segunda-feira (22) que o cantor havia voltado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) porque o estado de saúde dele tinha piorado. Considerado o sanfoneiro mais importante do país e herdeiro artístico de Luiz Gonzaga (1912-1989), José Domingos de Morais nasceu em Garanhuns, no agreste de Pernambuco. Conheceu Luiz Gonzaga com 8 anos. Aos 13 anos, morando no Rio, ganhou a primeira sanfona do Rei do Baião, que três anos mais tarde o consagrou como herdeiro artístico. nstrumentista, cantor e compositor, Dominguinhos ganhou em 2002 o Grammy Latino com o “CD Chegando de Mansinho”. Ao longo da carreira, fez parcerias de sucesso com músicos como Gilberto Gil, Chico Buarque, Anastácia e Djavan. Ainda criança, Dominguinhos tocava triângulo com seus irmãos no trio “Os três pinguins”. Quando ele tinha 8 anos, foi “descoberto” por Gonzagão ao participar de um show em Garanhuns. A “benção” lhe foi dada pelo rei do baião quanto tinha 16 anos. Dominguinhos durante apresentação em São Luis do Paraitinga em 2011. (Foto: José Patrício/Estadão Conteúdo) Dominguinhos em apresentação em São Luís do Paraitinga (Foto: José Patrício/Estadão Conteúdo) “Gonzaga estava divulgando para a imprensa o disco 'Forró no Escuro' quando ele me apresentou como seu herdeiro artístico aos repórteres”, lembrou-se Dominguinhos em entrevista ao G1 no fim de 2012. “Foi uma surpresa muito grande, não esperava mesmo.” De acordo com ele, o episódio aconteceu somente três anos depois de sua chegada ao Rio, acompanhado do pai, o também sanfoneiro Chicão. Mudaram-se para a cidade justamente para encontrar Luiz Gonzaga. “Em cinco minutos, ele me deu uma sanfona novinha, sem eu pedir nada”, prosseguiu. Naquele período, Dominguinhos saiu em turnê com o mestre para cumprir a função de segundo sanfoneiro e, eventualmente, de motorista. Centenário de Gonzagão No fim de 2012, Dominguinhos se dedicou ativamente às celebrações dos cem anos do nascimento de Luiz Gonzaga. Durante um show no dia centenário, 13 de dezembro, realizado na terra natal do músico, Exu (PE), Gilberto Gil comentou: “Dominguinhos teve a herança do Gonzaga, que ele incorporou, através das canções, dos estilos, o gosto pelo xote, xaxado”. Para Gil, no entanto, Dominguinhos soube trilhar um caminho próprio. “Dominguinhos foi além, em uma direção que Gonzaga não pôde, não teve tempo. Ele foi na direção do início de Gonzaga, o instrumentista, da época das boates do Mangue, no Rio de Janeiro, quando ele tocava tango, choro, polca, foxtrot, tocava tudo, repertório internacional, tudo na sanfona. ” FONTE:G1.COM

sábado, 20 de julho de 2013

Estado do Acre reclama de ajuda oficial Brasileira a Haitianosfranquias melhores

Rio Branco – A facilidade com que imigrantes haitianos entram ilegalmente no país pela cidade acriana de Brasileia e a ajuda humanitária que recebem do governo estadual têm estimulado a ação dos coiotes, que traficam essas pessoas. Quem reconhece é o secretário de Justiça e Direitos Humanos do governo do Acre, Nilson Mourão. Cabe a ele, desde 2010, quando chegaram ao estado os primeiros imigrantes ilegais, definir as políticas públicas de ajuda humanitária. Praticamente todos os dias, imigrantes chegam a Brasileia por Cobija, na Bolívia. “Se, por um lado, prestamos ajuda humanitária a essas pessoas, não sou inocente a ponto de não reconhecer que estamos estimulando a atuação desses coiotes, que ganham muito dinheiro trazendo os haitianos para o Brasil”, disse Mourão à Agência Brasil. O secretário acrescentou que o problema permanecerá enquanto não houver um trabalho “casado” de políticas públicas entre os governos federal e do Acre. Com hospedagem, comida, água e legalização dos vistos providenciadas pelo governo estadual na Polícia Federal, os próprios imigrantes estimulam os compatriotas a virem para o Brasil. Nilson Mourão disse, ainda, que o governo do Acre tem estabelecido contatos com empresários de diferentes estados. Assim, depois de terem os vistos legalizados, os haitianos já saem de Brasileia empregados, outro importante fator, segundo ele, que pesa no aumento da imigração ilegal. Edição: Tereza Barbosa franquias melhores Fonte:Neves News Noticias

terça-feira, 16 de julho de 2013

Saritur Ribeirão das neves ,Transimão não irá mais atender os usuários do transporte coletivo em Ribeirão das Neves Empresa tem longo histórico de reclamações e denúncias; Saritur assume a função

seja bem vida Saritur ribeirão das neves te recebe de braços abertos ,Deus ouviu o clamor do povo nevence
PUBLICADO EM 16/07/13 - 16h38 JULIANA BAETA Após uma série de protestos e denúncias envolvendo a empresa de transporte coletivo Transimão, que operava em Ribeirão das Neves e Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte, a empresa informou oficialmente nesta terça-feira (16) que não atenderá mais os passageiros de Ribeirão das Neves. O legado passa a ser da empresa Saritur, atualmente, responsável pelo transporte urbano e/ou rodoviário de 98 cidades mineiras, entre elas, a capital. Em junho, manifestantes fecharam a BR-040 diversas vezes para protestar em prol de melhorias no transporte coletivo da cidade. Em um dos protestos, os funcionários e ônibus da empresa foram impedidos de sair da garagem. Em outro, um ônibus foi incendiado, o prédio da Câmara Municipal foi depredado e dois policiais militares foram baleados. No final de junho, o governo do Estado chegou a anunciar um pacote de melhorias para o transporte público da cidade. Entre as medidas, estavam a manutenção adequada da frota em um prazo de até dez dias, adequação da frota de acordo com as demandas dos passageiros em um prazo de 60 dias e o cumprimento de horário e imediato com previsão de início imediata. No mesmo período, a linha passou a ser investigada pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) após denúncia do Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG) sobre as irregularidades da empresa. Um dos indícios dessas irregularidades, é o fato de a Transsimão ter recebido, apenas em junho, 360 multas por problemas como o não cumprimento do quadro de horários, ônibus com falhas mecânicas e motoristas que não concluíam o itinerário. Já em julho, no início do mês, a Transsimão passou a perder a exclusividade do atendimento aos moradores da cidade, quando parou de operar duas das linhas do transporte coletivo. A medida foi consequência da intervenção ordenada pelo DER-MG, e as linhas 6350 e 6420, que atendem, respectivamente, aos bairros Liberdade e Vereda, passaram a ser operadas pela Saritur. A partir desta terça-feira, a empresa foi oficialmente e completamente excluída de continuar executando os serviços na cidade. A assessoria da empresa Transsimão ainda não informou o que motivou a suspensão da concessão que, segundo contrato, venceria em 2023, com direito a prorrogação de mais 15 anos. fonte de reportagem :Jornal o Tempo

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Bebê leva 90 tesouradas da mãe porque mordeu seu seio enquanto mamava O menino chinês de apenas oito meses foi descoberto por um tio em uma poça de sangue

A mãe confessou que atacou Xiao porque ele a mordeu durante a amamentação. O bebê precisou receber cem pontos depois do incidente e ainda está se recuperando no hospital O crime aconteceu em Zuzhou, na Província de Jiangsu. Xiao Bao mora com a mãe e dois tios, que trabalham coletando lixo para reciclagem. Foi um dos tios quem descobriu o bebê ferido, deitado em uma poça de sangue, no quintal de casa, e o levou ao hospital. As informações são do tabloide britânico Daily Mail.

sábado, 6 de julho de 2013

O TOMATE PERDE O LUGAR DE LUXO DAS BANCAS E A BATATA ASSUME O 1º LUGAR DOS MAIS CAROS ,

TABELA CEASA MG PREÇO MAIS COMUM NOS ESTADOS (ÚLTIMA COTAÇÃO) Produto Embalagem MG SP RJ ES ABACATE 18 KG 30.00 38.00 25.00 22.00 ABACAXI DZ 28.00 49.00 54.00 45.00 ABO. ITALIANA 18 KG 12.00 32.00 18.00 9.00 ABO. MENINA 18 KG 20.00 30.00 23.00 9.00 ABO. MOGANGA 15 KG 13.00 ----- ----- ----- ALFACE DZ 6.00 7.00 6.00 4.00 ALHO BRASILEIRO 10 KG 85.00 120.00 85.00 83.00 BANANA-NANICA 20 KG 23.00 35.00 23.00 19.00 BANANA-PRATA 18 KG 35.00 35.00 45.00 36.00 BATATA 50 KG 100.00 154.00 120.00 116.00 BATATA-DOCE 20 KG 40.00 39.00 25.00 29.00 BERINJELA 12 KG 12.00 22.00 24.00 18.00 BETERRABA 20 KG 20.00 35.00 25.00 30.00 BROCOLO DZ 18.00 29.00 24.00 29.00 CEBOLA 20 KG 33.00 52.00 40.00 38.00 CENOURA 20 KG 28.00 39.00 30.00 28.00 CHUCHU 19 KG 20.00 33.00 30.00 24.00 COCO VERDE DZ 13.20 15.00 18.00 18.00 COUVE DZ 5.00 18.00 4.00 4.00 COUVE-FLOR 06 UNID. 6.00 16.00 10.00 12.00 ESPINAFRE DZ 15.00 14.00 8.00 13.00 GOIABA 2,5 KG 10.00 9.00 9.00 5.00 INHAME 19 KG 40.00 37.00 36.00 39.00 JILÓ 15 KG 7.00 31.00 30.00 15.00 LARANJA 20 KG 14.00 21.00 13.00 14.00 LIMÃO 20 KG 20.00 36.00 26.00 24.00 MACA 18 KG 50.00 73.00 60.00 52.00 MAMAO-FORMOSA 18 KG 12.00 22.00 21.00 18.00 MAMAO-HAVAI 8 KG 10.00 13.00 9.00 2.00 MANDIOCA 24 KG 30.00 20.00 25.00 20.00 MANDIOQUINHA 20 KG 60.00 70.00 50.00 66.00 MANGA 6 KG 15.00 13.00 12.00 14.00 MARACUJÁ 12 KG 25.00 38.00 43.00 33.00 MELANCIA KG 0.85 1.86 0.90 0.98 MELÃO 13 KG 35.00 40.00 30.00 32.00 MILHO-VERDE 25 KG 20.00 28.00 17.00 17.00 MORANGA 22 KG 25.00 37.00 30.00 38.00 MORANGO 1,5 KG 8.00 7.00 8.00 6.00 OVOS 30 DZ 72.00 73.00 70.00 71.00 PEPINO 19 KG 10.00 22.00 18.00 13.00 PERA 20 KG 85.00 79.00 60.00 82.00 PIMENTÃO 9 KG 10.00 22.00 20.00 10.00 QUIABO 12 KG 22.00 56.00 35.00 25.00 REPOLHO 23 KG 8.00 18.00 20.00 11.00 TANGERINA 15 KG 12.00 22.00 14.00 7.00 TOMATE 20 KG 12.00 42.00 23.00 25.00 UVA 6 KG 20.00 25.00 17.00 28.00 VAGEM 13 KG 30.00 61.00 36.00 22.00 Datas das últimas atualizações de preços: ES 26/04/2013 - MG 05/07/2013 - RJ 04/07/2013 - SP 06/07/2013 FONTE CEASA MINAS

Estudo avaliará adoção de uso preventivo de pílula anti-HIV no país Estudo coordenado pela Fiocruz recrutará 400 voluntários no RJ e em SP. Objetivo é dar proteção adicional a grupos vulneráveis.

Uma pesquisa coordenada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) vai avaliar a melhor forma de implantar, no Brasil, a estratégia do uso do antirretroviral Truvada como forma adicional de evitar a infecção pelo HIV. Também participam do projeto - chamado PrEP Brasil - a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) e o Centro de Referência e Treinamento DST/Aids de São Paulo. A viabilidade da estratégia de prevenção já havia sido demonstrada pelo estudo internacional iPrEx (Iniciativa de Profilaxia Pré-exposição), do qual o Brasil também participou. A pesquisa concluiu que o uso diário de antirretroviral por homens saudáveis que fazem sexo com homens conseguiu prevenir novas infecções com eficácia que variou de 43% a 92%, dependendo da adesão ao medicamento. A infectologista Brenda Hoagland, que coordena o projeto no âmbito da Fiocruz, observa que, nos Estados Unidos, o uso preventivo do medicamento Truvada por pessoas HIV negativas já é aprovado. No Brasil, o Truvada é aprovado somente para o tratamento da doença (apesar de não ser adotado pelo SUS). “Se conseguirmos mostrar com o estudo que é possível implementar essa estratégia no Brasil, o Truvada terá que obter um outro registro para prevenção, não só para tratamento”, diz Brenda. Segundo a pesquisadora, o resultado do estudo poderá ser um instrumento que o Ministério da Saúde utilizará para definir se deve ou não adotar a estratégia no país e qual seria a melhor maneira de fazê-lo. A previsão é que o estudo se inicie entre agosto e setembro, quando começará o processo de recrutamento dos voluntários, de acordo com Brenda. No total, serão 400 voluntários, 200 no Rio de Janeiro e 200 em São Paulo. O perfil buscado são homens com mais de 18 anos, HIV negativos e que fazem sexo com homens. Interessados em participar podem obter mais informações no telefone (21) 2260-6700. Os participantes serão acompanhados durante um ano. “É importante esclarecer que, de maneira alguma, o objetivo dessa estratégia é substituir a camisinha. Esse medicamento não previne outras DSTs. Trata-se de uma forma adicional de prevenção para grupos que estão mais vulneráveis”, diz Brenda. A coordenação geral do projeto é da pesquisadora Beatriz Grinsztejn, também da Fiocruz. FONTE:G1.COM

Estudante acha escultura de deus romano de 1.800 anos em antigo lixão Descoberta foi feita no condado de Durham, na Inglaterra. Pesquisadores acreditam que estátua represente deus Antenociticus.

Um aluno do primeiro ano de Arqueologia da Universidade de Durham, na Inglaterra, encontrou uma cabeça esculpida em pedra há cerca de 1.800 anos no Forte Romano de Binchester, no condado de Durham. O sortudo estudante Alex Kirton desenterrou o objeto no terreno onde ficava um antigo lixão. Ele faz parte de um programa que se repete todos os anos, no verão, em que estudantes da Universidade de Durham e dos Estados Unidos se juntam para vasculhar os terrenos da região em busca de objetos que possam revelar detalhes sobre o passado. Especialistas avaliam que a cabeça, que mede 20 cm por 10 cm, fazia parte de uma escultura de um deus romano. O artefato tem similaridades com uma escultura completa encontrada em uma região próxima em 1862. Esta imagem trazia uma inscrição que a identificava como Antenociticus, uma divindade cultuada com o objetivo de trazer inspiração para assuntos militares. O professor David Petts, da Universidade de Durham, conta que a cabeça foi encontrada perto de onde, dois anos atrás, foi identificado um altar romano. “Achamos que o objeto possa estar associado com um pequeno altar na casa de banho e que tenha sido jogado fora depois que o edifício caiu em desuso, provavelmente no século 4 DC”. Petts observa que a identidade do “dono da cabeça” pode nunca ser decifrada com certeza. “Mas continuamos a explorar o edifício de onde veio para nos ajudar a melhorar nosso entendimento da vida romana tardia em Binchester e na fronteira norte do Império Romano, no norte da Inglaterra.” FONTE;G1.COM

terça-feira, 2 de julho de 2013

transsimão e´ a principal culpada dos trantornos nas estradas de ribeirão das neves mg

moradores de Ribeirão das Neves pedem o fim do contrato com a empresa de transporte coletivo . ônibus com defeitos mecânicos ,motoristas e cobradores trabalham ate 12 horas por dia .ônibus apresentam problemas nos freios ,superlotação ,ônibus não para nos pontos ,pois sempre lotados com mais do numero permitido ,passam por despercebidos pela policia rodoviária federal e militar sem serem parados . contrato privilegiado ,frutos de antigas campanhas politicas ? sera que vai ter fim quando?

fonte:o tempo e internet

Confrontos em protestos de rua matam 7 na capital do Egito Há dezenas de feridos no Cairo, alguns deles em estado grave. Exército deu prazo para presidente Morsi e oposição chegarem a consenso.


Sete pessoas morreram nesta terça-feira (2) em confrontos entre partidários e opositores do presidente do Egito, Mohamed Morsi, no Cairo, segundo fontes médicas. Os choque ocorreram no distrito de Giza e também deixaram dezenas de feridos, alguns em estado grave, em meio à crise política que paralisa o país e que levou multidões às ruas das principais cidades. Tumultos também eclodiram em outros bairros da periferia do Cairo e na província de Beheira. O presidente Morsi, islamita primeiro líder eleito livremente no Egito após a queda do ditador Hosni Mubarak, tem sido alvo de protestos, com dezenas de milhares de pessoas pressionando por sua saída. Na segunda-feira, o exército ter dado um prazo de 48 horas para que o Morsi e a oposição liberal cheguem a um consenso político. Os militares negaram que tenham a intenção de dar um golpe de Estado. O presidente, que rejeitou o ultimato, se reuniu nesta terça com o chefe do Exército, o general Abdel Fattah al-Sissi. Nenhum detalhe a respeito desta reunião foi divulgado por ora. A oposição egípcia anunciou a designação de Mohammed El Baradei, ex-diretor da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), como seu representante, visando a uma transição política. O ultimato foi elogiado pela oposição, que acusa o presidente de querer instaurar um regime autoritário em favor da Irmandade Muçulmana, movimento islamita ao qual pertence. Já os partidários do chefe de Estado insistem na legitimidade do primeiro presidente eleito democraticamente no país. O clima era de tensão desde o início do dia. O manifestante Mostafa Gharib manifestou à France Presse o seu temor de que os islamitas "lutem até o fim antes de cair". Para Mona Elghazawy, a batalha agora é contra os islâmicos. Um grande esquema de segurança da polícia foi montado no Cairo, enquanto helicópteros do Exército sobrevoavam a cidade. Um dos líderes da Irmandade Muçulmana chegou a pedir aos egípcios que estejam dispostos a sacrificar suas vidas e que evitem um golpe de Estado. "Buscar o martírio para evitar este golpe é o que podemos oferecer aos mártires anteriores da Revolução", afirmou Mohamed al-Beltagui, em referência aos quase 800 mortos durante a rebelião de 2011, que levou à queda de Mubarak. Dezenas de milhares de partidários do presidente se reuniram no bairro de Nasr City e em frente à Universidade do Cairo, na outra margem do Nilo. "A posição do Exército é preocupante e perturbadora. Se eles tomarem o país, vamos fazer uma revolução islâmica", advertiu Mohamed Abdel Salem, um manifestante pró-Morsi. "Acorde Sissi, Mursi é o meu presidente", cantava a multidão ao ministro da Defesa. Alia Youssef, engenheira de 24 anos, disse estar "pronta para morrer em defesa da legitimidade (do presidente) e para dizer 'não' a um golpe militar". Em um comunicado, a Presidência afirmou que o "Egito não permitirá um recuo, sejam quais forem as circunstâncias". Esta resposta obrigou o Exército a desmentir qualquer plano de golpe de Estado e a esclarecer que o ultimato, lido por seu chefe, o general Abdel Fatah al-Sissi, pretendia "levar todos os setores políticos a encontrar uma saída rápida para a crise atual".