domingo, 15 de setembro de 2013

Sempre me batia' diz mulher trancada pelo ex-marido em casa por três dias Vítima disse ao G1 que tinha medo de denunciar agressões à polícia. Suspeito foi preso e encaminhado ao presídio de segurança máxima.

Mulher agredida foi mantida em cárcere privado por três dias. (Foto: Reprodução/TV Morena) “Ele sempre me batia", disse ao G1 a ex-mulher do homem de 37 anos preso na tarde de sexta-feira (13) por agredi-la e mantê-la trancada por três dias na casa onde moravam, no bairro Nova Campo Grande, na capital sul-mato-grossense. Ela revelou que tinha medo de denunciar as agressões. "Ele me ameaçava caso eu o denunciasse”. Segundo a vítima, eles moravam juntos desde agosto de 2011, separaram-se várias vezes e voltaram novamente em julho de 2013. A vítima relatou ao G1 que ao ver o ex-marido preso apenas conseguiu dizer: “Olha o presente que você me deu”, explicando que na próxima semana comemora seu aniversário. A mulher disse que o único defeito do homem é a violência com a qual ele age. “Ele é uma pessoa boa, mas não quero ele nunca mais na minha vida. Foi a última chance”, completou. O suspeito foi preso por policiais da Delegacia de Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) após denúncia anônima sobre o crime. Uma equipe foi encaminhada até a casa onde morava o casal, arrombou a porta e libertaram a vítima. O suspeito já foi levado ao Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande. Ele foi autuado em flagrante e deve responder por lesão corporal (violência doméstica), ameaça, desobediência e sequestro e cárcere privado. Agressão De acordo com a delegada Marília de Brito Martins, o ex-marido enforcou a vítima, depois tentou esganá-la com toalha molhada e, por fim, tentou asfixiá-la com edredom. A autoridade policial contou ainda que o homem quebrou vários objetos da casa, jogou alguns sobre a vítima, entre eles um ferro de passar roupa que acertou o rosto dela. Ainda segundo informações da delegada, a vítima tentou telefonar para a mãe, mas o suspeito viu, quebrou o aparelho celular dela e colocou fogo. em seguida, trancou a casa, manteve as chaves com ele e proibiu a mulher de sair do local. fonte:g1.com.br

Postar um comentário