quinta-feira, 28 de novembro de 2013

BAHIA: Por causa da chuva, telhado de escola desaba e atinge cinco alunos na Bahia Três alunos tiveram escoriações leves e dois estão internados em hospital. Em Presidente Tancredo Neves, barranco desaba e atingi uma casa.

teto de escola desaba e atinge cinco alunos (Foto: Site Teixeira News/ Divulgação) O temporal que atinge o sul da Bahia na manhã desta quinta-feira (28) causou estragos no distrito de São José, no município de Alcobaça. O teto da escola municipal desabou por causa da forte chuva e atingiu cinco alunos. Três deles tiveram escoriações leves e dois estão internados na Hospital de Alcobaça. A escola foi interditada e as aulas foram suspensas para reforma. De acordo com informações da Secretaria de Educação, equipes do Corpo de Bombeiros estão no local para realizar perícia. A polícia está no local e aguarda laudo da perícia técnica. No município de Presidente Tancredo Neves, um barranco desabou e atingiu uma casa. O temporal atinge também outros municípios do estado. As cidades de Valença e Maraú também foram afetadas. Segundo as prefeituras das cidades, as fortes chuvas alagaram estradas, ruas, provocaram o surgimento de buracos e afetaram a rotina dos moradores. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) é de que o clima na região continue o mesmo até sábado (30). Segundo o INMET, nas últimas 24 horas, em Valença choveu 265 milímetros, enquanto em Maraú, o volume de chuva foi de 202,8 milímetros. O órgão afirma que o temporal também atinge outros municípios da região. Segundo o secretário de Administração Municipal de Valença, Ademar Barreto, o temporal começou na quarta-feira (27). "A BA-001 que passa dentro da cidade ficou alagada. Tem uma ponte estreita que está sendo quebrada para desobstruir um bairro que foi alagado por inteiro. É o bairro Estância Azul. Há um córrego que corta o bairro", informou o gestor. Ainda de acordo com Barreto, equipes de todas as secretarias municipais estão nas ruas para levantar o número de pessoas desalojadas. Esses moradores afetados serão encaminhados para o ginásio de esportes da cidade e para o Centro de Evangelização Popular da Igreja Católica. "Os bairros periféricos são os mais afetados", conclui o secretário. Até por volta das 10h30, não havia estimativa da quantidade de desalojados. Três postos de saúde tiveram as atividades suspensas por causa da chuva. Já em Maraú, a prefeitura informou que a forte chuva começou na terça-feira (26), mas se agravou nesta quinta. Segundo o órgão, a estrada de terra que dá acesso ao município ficou alagada, o que impossibilita a entrada e a saída de moradores e visitantes. A Prefeitura de Maraú afirma ainda que buracos foram abertos nas ruas e que algumas residências correm risco de desabar. Não há informações sobre desalojados. Equipes do órgão estão nos locais mais afetados tentando solucionar os problemas.
Chuva criou vários pontos de alagamento na cidade de Valença (Foto: Site Nas Malhas Da Lei) Ilhéus O Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, na região sul da Bahia, fechou por causa do mau tempo nesta quinta-feira. Segundo informações da Infraero, os próximos voos no terminal estão programados para o período da tarde, e podem também ser cancelados devido ao clima. Ainda de acordo com o órgão, as atividades só poderão retornar quando o tempo apresentar condições adequadas de visibilidade. FONTE:G1.COM

Postar um comentário