quarta-feira, 27 de novembro de 2013

droga no helicóptero deputado Gustavo Perella

Advogado de piloto diz que deputado Gustavo Perrella sabia de voo O advogado diz que seu cliente acreditava estar transportando implementos agrícolas e que tinha autorização para voar com helicóptero de Perrella O advogado do piloto Rogério Antunes, Nicácio Tiradentes, diz que o deputado estadual Gustavo Perrella (SDD) mentiu ao acusar o funcionário de ter roubado seu helicóptero para transportar quase meia tonelada de pasta-base de cocaína para o Espírito Santo. De acordo com ele, Antunes fez duas ligações para o deputado no sábado para avisá-lo sobre o uso da aeronave no domingo, dia da apreensão pela Polícia Federal. Conforme Tiradentes, Antunes obteve a autorização de Perrella para usar a aeronave para a entrega de um frete. O advogado diz que seu cliente acreditava estar transportando implementos agrícolas. Na segunda-feira, Perrella afirmou desconhecer a utilização do helicóptero por Antunes. Segundo ele, o piloto o havia informado que a aeronave estaria em manutenção. “Foi um depoimento covarde do deputado”, disse Tiradentes. O advogado pretende pedir acesso às ligações para livrar Antunes da acusação de roubo. O piloto, o copiloto e outros dois homens estão presos na sede da PF em Cariacica (ES). Tiradentes entrará hoje com um pedido de liberdade provisória para seu cliente. veja a matéria quando o helicóptero foi apreendido com a droga Helicóptero da família Perrella é apreendido com 445kg de cocaína Piloto, copiloto e dois homens que receberiam a droga foram presos; ainda, a PM encontrou R$ 16 mil na aeronave
fonte:o tempo

Postar um comentário