sábado, 18 de outubro de 2014

fogo atinja residências na Serra do RJ Combate neste sábado (18) é feito na região de Secretário, em Petrópolis. No Parnaso, três novos focos foram apontados em outras áreas do parque.

Bombeiros tentam evitar que fogo atinja residências na Serra do RJ Combate neste sábado (18) é feito na região de Secretário, em Petrópolis. No Parnaso, três novos focos foram apontados em outras áreas do parque. Bombeiros de Petrópolis, na Região Serrana do Rio, continuam, na manhã deste sábado (18), tentando impedir que o incêndio florestal na localidade de Secretário, quarto distrito do município, atinja residências na Estrada da Rocinha e Auto do Pegado. As equipes atuaram na região até a madrugada e retornaram logo cedo ao local. Duas frentes com 10 homens, cada, já atuam por terra. De acordo com o comandante dos Bombeiros Áerea Serrana, coronel Roberto Robadey, três aeronaves darão suporte nas ações deste sábado, incluindo uma do Exército prevista para chegar no destacamento de Itaipava às 11h.
Foco deste sábado será na região de Secretário (Foto: Corpo de Bombeiros) Ainda segundo o comandante, o trabalho neste sábado, que contará com cerca de 200 homens, será reforçado na localidade de Secretário, por conta da proximidade com as residências.“Nessa região estamos com mais ocorrências e estamos demorando mais para controlar o fogo, pois é uma área muito grande. Nossa última equipe retornou por volta de 3h da manhã. Acertamos ontem com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, que vamos focar nessa região e depois daremos apoio ao trabalho no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso), que hoje terá reforço de aeronaves do estado e do Ibama”, explicou o comandante. Segundo o Corpo de Bombeiros, a estimativa é de que a área consumida pelo fogo, em toda a cidade, já tenha aumentado para quase 4 mil hectares, o equivalente a aproximadamente 3.720 campos de futebol. Este número é considerado somando a área atingida no Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso).
Equipe do ICMBio no Parnaso em Petrópolis (Foto: Fernanda Soares/G1) Combate no Parnaso Três novos focos de incêndio foram identificados nesta sexta-feira (17) dentro do Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso) e já estão sendo combatidos, neste sábado, por brigadistas do parque. Três grupos foram encaminhadas as áreas do Jacó e Bonfim, na área em Petrópolis, e no Franco, já em Teresópolis. De acordo com o chefe da reserva, Leandro Goulart, os focos são distintos ao incêndio florestal que já destruiu 595 hectares de área do parque, além dos 550 no entorno da unidade, que fazem parte da Área de Proteção Ambiental (APA). A grande preocupação, segundo Leandro, continua sendo a parte alta do Parnaso, na Pedra do Mamute, que tem vegetação altamente inflamável. A área é de difícil acesso e não há comunicação por rádio ou por telefone. Nesta sexta, os brigadistas caminharam por mais de cinco horas e não conseguiram chegar ao foco do incêndio. De acordo com o chefe da reserva, seria necessário uma caminhada de mais três horas para chegar próximo ao fogo. Cerca de 90 homens – 51 brigadistas do parque, 15 voluntários (ex-brigadistas), 14 homens do Parque Nacional da Tijuca, no Rio de Janeiro, e mais sete do Parque Nacional da Restinga de Jurubatinga, em Macaé – aturão no combate ao fogo neste sábado. O trabalho vai contar com a ajuda de duas aeronaves – uma do Polícia Civil e a do Ibama, que deve chegar em Teresópolis à tarde, por volta de 14h. tópicos: FONTE:G1.COM

Postar um comentário