quarta-feira, 15 de abril de 2015

Nokia confirma aquisição da Alcatel-Lucent por €15,6 bilhões

Smartphones Lumia: a Nokia ficará com o controle de 66,5% do grupo resultante da fusão, e a Alcatel com os 33,5% restantes Da EFE Helsinque - A companhia finlandesa de telecomunicações Nokia anunciou nesta quarta-feira a aquisição de todas as ações de sua rival francesa Alcatel-Lucent em uma operação avaliada em 15,6 bilhões de euros. A transação, a maior do setor em mais de uma década, será realizada através de uma oferta pública de ações entre ambas as empresas, de modo que os acionistas da Alcatel-Lucent receberão 0,55 ações da nova companhia por cada título da antiga. Desta forma, a Nokia ficará com o controle de 66,5% do grupo resultante da fusão, e a Alcatel com os 33,5% restantes, criando um gigante com mais de 114 mil funcionários e 26 bilhões de euros de faturamento anual. A nova companhia será chamada de Nokia Corporation, terá sua sede principal na Finlândia e se tornará a segunda maior fabricante mundial de redes de telefonia celular, atrás apenas da sueca Ericsson. De acordo com a empresa Bernstein Research, especialista no mercado de telecomunicações, quando a operação for concluída, a Nokia terá uma parcela de 35% do mercado de redes sem fios, contra 40% da Ericsson e 20% da terceira colocada, a chinesa Huawei. "Juntas, a Alcatel-Lucent e a Nokia têm a intenção de liderar a próxima geração de tecnologias e serviços de redes", afirmou em comunicado o executivo-chefe da Nokia, o indiano Rajeev Suri. Após a venda de sua divisão de telefones celulares para a Microsoft no ano passado, a Nokia se concentrou no comércio de equipamentos, softwares de telecomunicações e mapas digitais. Segundo algumas fontes, a companhia finlandesa estaria negociando também a venda de sua divisão de cartografia digital e localização HERE. No entanto, a Nokia mantém silêncio sobre essa possibilidade. FONTE:exame.abril.com.br

Postar um comentário